quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

O ESPARGUETE DANÇARINO

Entre os dias 10 e 13 de fevereiro, decorreu, na Sala das Ciências da EB1 de Sátão, uma atividade experimental designada por ESPARGUETE DANÇARINO, na qual participaram todos os alunos desta escola. A partir da questão principal “Achas que consegues pôr o esparguete a dançar?”, os alunos envolveram-se de forma ativa e muito interessada na concretização desta tarefa. O registo e o debate de ideias revelaram-se de extrema importância para os alunos, porque permitiu-lhes desconstruir ideias, previamente erradas, e construir novos conceitos, a partir das suas próprias observações e investigações. 



O ESPARGUETE DANÇARINO on PhotoPeach

domingo, 15 de fevereiro de 2015

VIVA O CARNAVAL!


Caretas e fantasias,
Assobios e tropelias
Reinaram no carnaval,
Ninguém levou a mal.
Algazarra até mais não,
Vale tudo na eb1 de sátão.
Apesar da chuva ser um senão,
Lá se cumpriu a tradição!


VIVA O CARNAVAL! on PhotoPeach

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

VISITA À SALA DAS CIÊNCIAS

No final do 1º período e início do segundo, os alunos da EB1 de Sátão tiveram oportunidade de visitar a sala das ciências, a fim de conhecer os materiais existentes e respetiva utilidade, manuseando alguns deles. Esta atividade contou a preciosa colaboração de uma aluna do ensino secundário, Inês Soares.

Comentários de alguns dos alunos do 4ºano...


A VISITA AO LABORATÓRIO...


Turma 4ºA
• Foi muito interessante, porque aprendi nomes de muitos materiais que se usam num laboratório. (Rodrigo Jesus)
• Consegui aprender mais, saber o nome e para que servem os objetos que existem num laboratório. (Inês Almeida)
• Gostei muito da visita, porque fiquei a conhecer melhor a função dos materiais que existem num laboratório. (Matilde Rebelo)
• Foi fantástica, porque aprendi novas coisas e gostei muito das explicações que deram, a Inês e a professora Emília. (Adriana Silva)


Turma 4ºB
• Foi muito divertida, porque aprendi nomes de objetos de laboratório e porque observei na lupa binocular partes de uma asa, de uma pata e do abdómen do gafanhoto. (Miguel Lopes)
• Foi uma fantástica aventura no mundo da ciência. (Diogo Rodrigues)
• Foi espetacular, porque sempre gostei de conhecer os materiais de um laboratório. (Gonçalo Martins)
• Gostei muito e não sabia que havia assim tantos materiais organizados. (Filipa Batista)
• Foi fantástica, divertida e informativa. (João Ji Guo)

• Foi muito interessante, pois aprendi que num laboratório há imensas coisas incríveis para fazer experiências. (Beatriz Carvalho)

Turma 4ºC
• Foi fantástica, divertida e enriquecedora. (Letícia Lopes)
• Foi uma visita fabulosa e aprendi muitas coisas divertidas. (José Duarte)
• Foi uma visita enriquecedora, porque aprendi muito da ciência e os nomes dos objetos de um laboratório. (Gustavo Almeida)


O QUE DESPERTOU MAIOR INTERESSE?

Turma 4ºA
• Observar no caleidoscópio uns efeitos muito bonitos e na lupa binocular um inseto, o gafanhoto. (Joana Escaleira)
• Observar partes de um gafanhoto através da lupa binocular e perceber como é que um bicho tão pequeno se tornou tão grande! (Gonçalo Aguiar)
• Foi interessante ver a chave busca pólos e perceber como é que consegue detetar corrente elétrica. (Guilherme Martins)

Turma 4ºB
• Saber como eram algumas partes de um gafanhoto, porque não imaginava que fosse tão diferente. (David Almeida)
• Ver algumas partes do gafanhoto através da lupa binocular, porque nunca tinha visto um de tão perto e parecia peganhento. (Hugo Seromenho)
• Observar o caleidoscópio, porque quando olhei para o seu interior senti-me hipnotizado. (Diogo Rodrigues)
• Observar o balão Erlenmeyer, porque não sabia que tinha sido inventado por um alemão e que é pouco preciso. (Inês Gomes)
• Observar o caleidoscópio, porque foi hipnotizante, colorido e único! (João Guo)

Turma 4ºC
• Observar várias partes do corpo de um gafanhoto na lupa binocular, porque nunca tinha visto um de tão perto. (Lara Gomes)
• Observar os instrumentos que existem na sala das ciências e aprender os seus nomes. (Matilde Rodrigues)
• Gostei mais quando a professora Emília ligou fios com ponta crocodilo a uma pilha e a um casquilho e a lâmpada acendeu. (João Bernardo)
• Observar o caleidoscópio, porque vi muitos efeitos visuais diferentes e coloridos. (José Duarte)
• Observar diferentes partes de um gafanhoto, através da lupa binocular, porque eram minúsculas e depois ficaram grandes. (Mafalda Fontinha)



VISITA SALA DAS CIÊNCIAS on PhotoPeach